English    Español

AERONAVES

anterior

Boeing 737-300
1987-2006

próximo

 

Em 1987 chegou ao Brasil primeiro dos cinco Boeing 737-300 encomendados pela VARIG. O B737-300 é o sucessor do B737-200 e incorpora novas tecnologias e refinamentos aerodinâmicos, além de novos motores mais potentes e econômicos. Os Boeing 737-300 iniciaram sua carreira na VARIG em rotas domésticas, juntamente com o Boeing 737-200. Em 1992 ele substituiu o lendário Electra II na Ponte Aérea Rio - São Paulo. Com a substituição, a viagem entre o Rio de Janeiro e São Paulo foi reduzida em cerca de 10 minutos e as companhias aéreas do pool da Ponte Aérea puderam aumentar a oferta de assentos em cerca de 70%. Para permitir o pouso com segurança do Boeing 737-300, a pista do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, foi aumentada em 300 metros.
A partir dos anos 90, o Boeing 737-300 se tornou a principal aeronave da VARIG para voos domésticos e voos internacionais na América do Sul. Inicialmente os B737-300 foram configurados com 117 poltronas em duas classes: Executiva e Econômica. Depois a companhia adotou duas configurações: 120 passageiros em duas classes e 132 passageiros em classe única. A VARIG chegou a operar 31 unidades simultaneamente, no inicio dos anos 2000. Em 2003/2004, com a fusão da VARIG, Rio Sul e Nordeste, a VARIG passou a operar ainda mais unidades do Boeing 737-300.

Configurações do Boeing 737-300 da VARIG:

1º Configuração: 117 assentos
Classe Executiva:
12 assentos (2+2 assentos por fileira)
Classe Econômica:
105 assentos (3+3 assentos por fileira)

2º Configuração: 120 assentos
Classe Executiva:
12 assentos (2+2 assentos por fileira)
Classe Econômica:
108 assentos (3+3 assentos por fileira)

3º Configuração: 128 assentos
Classe Executiva:
8 assentos (2+2 assentos por fileira)
Classe Econômica:
120 assentos (3+3 assentos por fileira)

4º Configuração:
132 assentos (somente classe econômica)

5º Configuração:
136 assentos (somente classe econômica)

 

Nº de unidades operadas 31
Construtor The Boeing Company, EUA
Motor Duas turbinas General Electric/SNECMA CFM-56-3B2 de 22.000 libras cada um
Envergadura da asa 28,90m
Comprimento 33,40m
Altura 11,10m
Velocidade de cruzeiro 850Km/h
Alcance de vôo 3.600Km
Altitude máxima de vôo 11.300m
Peso da aeronave vazia 32.000Kg
Peso máximo de decolagem 61.235Kg
Tripulação técnica 02 (2 pilotos)
Lotação máxima 149 passageiros
Lotação máxima (configuração VARIG) 117-132 passageiros
Capacidade máxima de combustível 20.100litros
Pista mínima para decolagem 1.9m

 

 

 

PÁGINA INICIAL

História
Anos 20
Anos 30
Anos 40
Anos 50
Anos 60
Anos 70
Anos 80
Anos 90
Anos 2000

 

Aeronaves
Dornier Wal "Atlântico"
Dornier Merkur "Gaúcho"
Klemm L-25
Junkers A-50
Junkers F-13
Messerschmitt 108 "Taiffun"
Messerschmitt M20
Junkers JU52
Fiat G2
De Havilland DH89A
Lockheed Electra I
Nordwyn UC641
Douglas DC-3
Curtiss C-46

Convair 240
Lockheed Super G Constellation
Caravelle 1
Boeing 707-441
Douglas DC-6
Lockheed Electra II
Convair 990A
Douglas DC-8-33
Boeing 707-320
HS-748 "Avro"
Boeing 727-100
Boeing 737-200
Douglas DC-10-30
Airbus A300B4
Boeing 747-200
Boeing 747-300
Boeing 767-200ER
Boeing 737-300
Boeing 767-300ER
MD-11
Boeing 747-400
Boeing 737-700
Boeing 737-800
Boeing 777-200ER
Boeing 757-200

 

Rotas

 

Website
1996
2000
2002
2004
2005

 

Grupo Varig
Fundação Ruben Berta
FRB-PAR
VPSC
Ícaro Brasil
Rio Sul e Nordeste
Varig Cargo e Varig Log
Varig VEM

 

 

Marketing
1927-1969
Anos 70 e 80
Anos 90 e 2000

 

Design

 

Coleções
A bordo
Cartão Postal, Imagens e outros
Imagens das aeronaves
Logotipos & Passagens
Time Table